Etiquetas

sábado, 31 de março de 2012

UMA ILHA NO TECTO DO MUNDO de Robert Stevenson


Antes do Indiana Jones ter reinventado o cinema de aventuras, no Natal de 1974 a Disney ofereceu-nos este delicioso filme, do qual eu já me tinha esquecido de falar.

O pai de um jovem desaparecido, parte numa expedição com o fim do encontrar. A única coisa que ele sabe, é que o filho andava à procura de uma tribo viking perdida algures no tempo. Quando a expedição chega ao seu destino, vêem-se obrigados a lutar pelas suas vidas.   

Na altura adorei este filme; uns anos depois revi-o e não mudei a minha opinião. Durante anos considerei-o um dos melhores do género. O filme tinha um dirigível fabuloso, orcas (ou seriam baleias?) gigantes, vikings com olhos diabólicos e um vulcão em erupção. Tudo muito emocionante e divertido. Nem sei como é que ainda não se lembraram de fazer uma remake!

Não resisto a deixar-vos aqui o trailer.


2 comentários:

  1. vi esse filme já em 75, com cinco aninhos no Caleidoscópio e era para maiores de 6! pelos vistos ficou imenso tempo em cartaz, pois faço anos este mês, ou então o Caleidoscópio passava os filmes mais tarde, o que é bem provável.

    deve ter sido um dos filmes que mais me impressionou até hoje e quando o revi continuei a achá-lo igualmente impressionante. faço minhas as tuas palavras!

    ResponderEliminar
  2. O filme estreou no Caleidoscópio, mas não me lembrava que tinha estado assim tanto tempo em exibição. Nessa altura, havia muitos filmes que se mantinham em exibição durante meses. Este mereceu o sucesso que teve.

    ResponderEliminar